Partilhamos convosco hoje a nossa programação para o período Janeiro-Junho, esperando estar a contribuir para algumas boas conversas… As inscrições estão abertas, até breve!

Cursos

Linguagem clara e inclusiva
Com Maria Vlachou e Marta Ramos
Lisboa, 21 de Janeiro | Museu do Aljube  ESGOTADO

Mediação cultural: mediar o quê?
Com Inês Barahona
Lisboa, 17 de Fevereiro | Biblioteca Municipal de Marvila
Guimarães, 23 de Março | Casa da Memória

Linguagem inclusiva: realçando qualidades e evitando estereótipos
Com Nuno Pinto
Faro, 17 de Fevereiro | Teatre Lethes
Informações e inscrições directamente com o Teatro Lethes
E-mail: geral@actateatro.org.pt | Tel: 289 878 908
(com desconto para os associados da Acesso Cultura)

Acesso aberto: acesso universal às colecções de museus e arquivos
Com Luís Ramos Pinto e Teresa Nobre
Porto, 19 de Fevereiro | Casa Allen
Lisboa, 25 de Março | Museu da Farmácia

Arte, Deficiência e Gestão Cultural
Com Marco Paiva e Maria Vlachou
Lisboa, 4 e 5 de Maio | local a confirmar
Porto, 25 e 26 de Maio | Teatro Carlos Alberto

Seminários

Gestão Cultural: um repto pela desobediência civil
Com Vânia Rodrigues
Lisboa, 11 de Fevereiro | Atelier-Museu Júlio Pomar

A trajectória brasileira rumo ao acesso cultural: uma luta conjunta
Com Eliana Franco
Lisboa, 17 de Março | Fundação José Saramago

Missão: porque é que fazemos o que fazemos?
Com Maria Vlachou
Lisboa, 22 de Abril | Museu da Farmácia
Porto, 25 de Maio | Teatro Rivoli

Valores para comunidades mais fortes
Com Hilary Jennings (Happy Museum Project)
Vila Nova de Famalicão, 2 de Junho | Museu da Guerra Colonial
Lisboa, 3 de Junho | Museu Calouste Gulbenkian

Debate

O primeiro debate do ano, a 18 de Fevereiro às 18h30, será um ponto de encontro para discutirmos melhor o artigo de opinião de Rui Matoso “A insustentável leveza do municipalismo cultural”. Estaremos nas 10 cidades do costume… Entrada livre.

Workshops sobre bibliodiversidade

No âmbito do projecto Every Story Matters, do qual a Acesso Cultura é parceiro, em 2020 serão organizados 15 workshops em vários pontos do país, dirigidos a bibliotecários e professores.

O que é a bibliodiversidade? Enquanto mediadores de leitura, temos a responsabilidade de garantir a pluralidade de vozes e experiências que a leitura pode oferecer. Com que limitações nos defrontamos? A participação é gratuita. Mais informações e inscrições

O nosso profundo agradecimento a todas as entidades que generosamente nos cedem o seu espaço.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s