2017 chega ao fim

Imagem com a palavra 2017.

Este foi um ano realmente emocionante, que nos deu muitas alegrias e que nos permitiu dar alguns passos em frente. O nosso obrigado aos nossos associados, aos nossos formadores e formandos, aos nossos colaboradores, aos nossos voluntários e aos nossos parceiros, entidades públicas e privadas, cujo apoio tem sido fundamental nesta caminhada, que pretende tornar a diferença mainstream.

Começámos com um grande projecto, apoiado pela Fundação Calouste Gulbenkian, que foram as jornadas Além do Físico: Barreiras à Participação Cultural. Começámos o périplo no dia 15 de Março em Faro e completámo-lo no dia 27 de Novembro no Funchal. Entre estas duas datas, houve mais 21 jornadas em todas as comunidades intermunicipais do país. Foi uma oportunidade para partilharmos a nossa visão com profissionais de todo o país, mas foi, sobretudo, uma oportunidade para aprendermos com as pessoas que trabalham no terreno e em zonas onde raramente se criam as condições para estes encontros.Citações de pessoas que participaram nas jornadas.

Em Março, atribuímos pela primeira vez o Prémio Acesso Cultura – Linguagem Simples, que distinguiu um trabalho do Teatro Municipal Maria Matos e deu ainda uma menção honrosa ao Museu de Évora. As candidaturas estão agora abertas para a edição de 2018.

Em Junho, apresentámos a publicação A Inclusão de Migrantes e Refugiados: O Papel das Organizações Culturais, com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian e em colaboração com o British Council. Esta publicação reúne entrevistas, um manual de boas práticas e várias referências e contactos úteis para profissionais e entidades que lidam pela primeira vez com estas questões ou que se interessam nelas.

Em Outubro, a nossa conferência anual foi dedicada ao Acesso Aberto / Open Access e teve o apoio da Fundação Millennium BCP e da Fundação Calouste Gulbenkian. Reunimos vários profissionais do sector cultural para uma discussão muito rica e proveitosa sobre a forma como as instituições culturais portuguesas enfrentam esta nova realidade, o que é que está a ser feito no sentido de criar condições de acesso aberto, a quem se destinam estes recursos digitais e para que servem. Contámos ainda com a participação da nossa colega dinamarquesa Merete Sanderhoff, uma referência a nível internacional nesta matéria.

Em Novembro, já mais próximo do final do ano, tivemos a grande oportunidade de participar no encontro plenário do IETM – International Network for Contemporary Performing Arts em Bruxelas acompanhados de cinco companhias portuguesas: Crinabel Teatro, Dançando com a Diferença, Sociedade Artística e Musical dos Pousos, Teatro Griot e Vo’Arte. Foi uma experiência extremamente rica, que já começou a dar frutos, e que se tornou possível graças ao apoio da Direcção-Geral das Artes.

Estes foram quatro marcos do ano que está a acabar. Mas houve ainda cursos, debates, consultorias, participação em encontros e conferências e mais uma Semana Acesso Cultura com o Prémio Acesso Cultura. E houve sobretudo mais oferta cultural acessível, graças ao interesse e empenho dos nossos colegas em várias organizações culturais portuguesas. Um obrigado muito especial àqueles com os quais este ano trabalhámos de forma mais próxima: Casa Fernando Pessoa, Doclisboa, Festival Internacional de Marionetas do Porto, Padrão dos Descobrimentos, Teatro Municipal Maria Matos, Teatro Municipal São Luiz, Teatro Nacional D. Maria II, Teatro Nacional São João e, mais recentemente, Museu Nacional Ferroviário e Fundação Serralves.

Aproxima-se um novo início. Um bom ano para todos, um ano com mais Acesso [à] Cultura.

AGRADECIMENTOS
Parceiros 2017

23 Milhas, Teatro Vista Alehre – Laboratório das Artes, Ílhavo
Auditório Municipal Carlos Paredes, Vila Nova de Paiva
BAD Norte – Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas
Biblioteca de Marvila, Lisboa
Biblioteca Municipal Almeida Garrett, Porto
Biblioteca Municipal António Ramos Rosa, Faro
Biblioteca Municipal de Chaves
Biblioteca Municipal de Marvila
Biblioteca Pública e Arquivo Regional de Ponta Delgada, S. Miguel
Biblioteca Pública de Évora
British Council
Casa-Museu Frederico de Freitas, Funchal
Centro Cultural de Belém, Lisboa
Centro Cultural Raiano, Idanha-a-Nova
Centro de Artes e Cultura, Ponte de Sôr
Centro Português de Fotografia, Porto
Cine-Teatro de Alcobaça
Cine-teatro Grandolense, Grândola
Club Farense, Faro
Comunidade Interminicipal Terras de Trás-os-Montes
Dançando com a Diferença, Funchal
Direcção-Geral das Artes
Direcção Regional de Cultura do Alentejo
Direcção Regional de Cultura do Algarve
Direcção Regional de Cultura da Madeira
Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa
Fundação Eugénio de Almeida, Évora
Fundação Millennium BCP, Lisboa
Fundação Portuguesa das Comunicações / Museu das Comunicações, Lisboa
Fundação Serralves / Museu de Arte Contemporânea, Porto
Museu Botânico do Instituto Politécnico de Beja
Museu de Arqueologia D. Diogo de Sousa, Braga
Museu de Artes Decorativas, Viana do Castelo
Museu de Leiria
Museu do Côa, Foz Côa
Museu do Dinheiro do Banco de Portugal, Lisboa
Museu Municipal de Penafiel
Museu Municipal de Pinhel
Museu Nacional de Machado de Castro, Coimbra
Museu Nacional Ferroviário, Entroncamento
Museu Nacional Soares dos Reis, Porto
Padrão dos Descobrimentos, Lisboa
Palácio Vila Flor, Guimarães
São Luiz Teatro Municipal, Lisboa
Sul, Sol e Sal Editora, Olhão
Teatro Municipal Baltazar Dias, Funchal
Teatro Nacional D. Maria II, Lisboa
Teatro Sá da Bandeira, Santarém