Planos de emergência e deslocação de pessoas com necessidades especiais

NOVAS DATAS A ANUNCIAR

Nota: Instituições interessadas em proporcionar esta formação internamente podem contactar-nos e solicitar um orçamento através do email geral[at]acessocultura.org

Uma pessoa com deficiência auditiva não consegue ouvir um alarme de incêndio. Um cego não consegue ver a sinalética de evacuação. Uma pessoa em cadeira de rodas não pode fugir pela escada. Pelo ponto de vista da segurança contra incêndios e da evacuação, os nossos edifícios foram pensados exclusivamente para pessoas sem qualquer condicionalismo à sua mobilidade ou incapacidade. Neste curso pretende-se ensinar a identificar as principais dificuldades na deslocação de pessoas com necessidades especiais em situações de emergência e a desenvolver estratégias para a sua protecção no local ou para a evacuação segura. Serão abordados os procedimentos a ter em conta na elaboração de Planos de Emergência e os requisitos legais de constituição, formação e treino das equipas de emergência internas.

No curso serão abordadas as seguintes temáticas: Tipos de sinistros (incêndio, sismo, inundação, etc.) e as condicionantes de cada um deles; Enquadramento regulamentar português relativo às equipa de segurança, planos de emergência, formação e simulacros; Comparação com legislação de outros países; Organização de segurança, elaboração de planos de evacuação, formação da equipa e simulacros; Estratégias de protecção das pessoas com necessidades especiais, nomeadamente deslocação para espaço seguro adjacente e criação de zonas refúgio; Estratégias de deslocação das pessoas com necessidades especiais.

PÚBLICO-ALVO
Directores, Directores Técnicos, Responsáveis pela Segurança, Frente de Casa, Comunicação

PREÇÁRIO
Normal: €30
Estudante / Desempregado: €25
Sócio Acesso Cultura: €20
Política de reembolsos: Em caso de desistência de participação, o inscrito terá direito ao reembolso do valor de inscrição, desde que comunique essa desistência, por escrito e com 8 (oito) dias de antecedência.
Não se aplica o disposto no parágrafo anterior, caso a desistência comprometa o número mínimo de participantes exigido para a realização do curso, caso em que o valor não será devolvido, ficando o inscrito desistente com crédito em montante igual ao valor da inscrição paga, podendo usufruir deste mesmo crédito em inscrições futuras em cursos da Acesso Cultura.

NOTA BIOGRÁFICA DO FORMADOR
Paulo Prata Ramos tem licenciatura e mestrado pré-Bolonha em Arquitectura e uma pós-graduação em Protecção Contra Incêndios em Edifícios. É projectista de Segurança Contra Incêndios em Edifícios (SCIE) há mais de dez anos, com certificação para edifícios de 3ª e 4ª categorias de risco, tendo sido técnico responsável de cerca de uma centena de projectos e medidas de auto-protecção, em Portugal, Angola, Argélia e França. Escreve regularmente artigos técnicos para revistas da especialidade, nomeadamente Revista Segurança e Revista Proteger, parte dos quais escritos no âmbito do doutoramento em SCIE. É sócio do atelier ETU, gabinete especializado no projecto e consultoria de SCIE. Actualmente desempenha a função de director técnico da Culturgest.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s